Já sentiu?

Pessoalidades

Sabe aquela vontade de fugir? Aquela vontade imensa de sair de casa? Aquela mesma sensação de quando você era criança e queria fugir para a casa da árvore e viver lá até o resto de sua vida? Que talvez, vai saber, é a mesma sensação de quando você percebeu que virou gente grande e quer seguir seu caminho com suas próprias pernas? Que você já está cansado de sempre agradar os outros e sempre fazer o que eles mandam pedem? Conhece aquela sensação de que agora é a hora que você mais precisa seguir à risca o que seu coração pede porque ele já não aguenta mais?

Já sentiu a sensação de acordar na calada da noite com um vazio no peito com vontade de gritar, chorar, e ouvir uma voz ao pé do ouvido que você precisa fazer parte de algo muito maior do que você? Sabe quando sente falta de se aconchegar num abraço, mas que não é um abraço qualquer, mas o abraço Dele? De querer sentir seu coração pular e se emocionar? Conhece aquela sensação de que você pode e quer ser útil para um propósito maior? Aquela sensação de paz? Aquela sensação de se entregar completamente…

A sensação de ser mais que completa, felicidade acima do normal que você já teve em seu dia mais alegre. A sensação de segurança, de que Alguém está e sempre esteve ali por você. Você se distanciou. Está na hora de subir a colina novamente garota, e você sabe que será difícil. Você sabe que terá que quebrar muitas coisas das quais você acreditava, e reformular as que você deixou de acreditar com a distância. Mas você sabe que ao chegar no topo, a vista será a mais bela de todas…

Você já sentiu isso? Então.

"Ele está aqui para o quebrado e vida para o que é perdido. Ele é paz para os feridos e esperança para o desamparado. Ele está aqui…"

Be Still, by Kari Jobe

(fonte da imagem: sashabell)

Veja também...

Não nasci para ser "blogueira"
Realizações de 2016 e pedidos para 2017
Projeto Mete a Colher: Sororidade na palma da mão

13 Comentário(s)

(13 pelo blog e pelo facebook)
  • Ohara
    09 . 06 . 2015

    Sabem quando nos emocionamos e identificamos com uma postagem? muito lindo o texto!
    Cinto essa sensação quase todo dia& de se intender sozinha, de viver um mundo só meu, de parar de fazer oq os outros mandam! mais essa da casa da
    árvore, nunca tive não. mais ja tive a sensação de que queria ser um pássaro& haha:
    Ser um pássaro pelo resto da vida.. esse é o melhor texto q vc ja escreveu aqui! tava vasculhado a categoria musica e encontrei esse texto.
    Alegrou meu dia!Mil beijos! A! e antes q eu venha a te aborrecer comentando de novo, ja tive todas a sensações desse post menos a da casa da árvore.

    Responder

  • Juliana Höfler
    Visitar blog
    31 . 01 . 2012

    Em resposta a sua resposta;
    É bem isso, poxa tenho 18 anos, passei pro curso que eu queria sem dificuldades, nunca dei trabalho algum, pelo contrário, só orgulho… E tu falou sobre casar, e minha família quer que eu termine minha faculdade primeiro, dificultam meu namoro e etc, é um porre, mas é família não é? Independente amo eles, apesar de sair do sério, perder a cabeça, e da vontade que eu tenho de sumir. Beijos

    Responder