WP: Como instalar

Tutorial Wordpress

Atendendo pedidos, formei este tutorial para aqueles que quer aprender a instalar o WordPress. Então, explicarei aos poucos. Esse tutorial foi especialmente feito para aqueles sites de hospedagem grátis (neste tutorial utilizarei a Hostinger como exemplo) ou quem deseja instalar o WordPress automaticamente.

Editado em 15/04/2016

Dica sobre a hospedagem Hostinger: Caso você utilize de fato uma hospedagem da Hostinger de graça, comece selecionando o plano grátis com criação de SUBDOMÍNIO. Com domínio você já precisará ter um registrado previamente pois no momento em que seleciona o plano grátis, ele não faz este tipo de registro, muito menos vincular DNS (que seria a ligação entre domínio e hospedagem). Você precisará fazer esta troca de DNS posteriormente no painel da empresa do qual você registrou o domínio. Já ao criar um subdomínio lá na Hostinger você já sai com endereço e hospedagem instantaneamente. Dai, se quiser utilizar esta mesma hospedagem para um domínio próprio futuramente, é só registrar e trocar o DNS.

1) O que é WordPress?

O WordPress é um sistema de gerenciamento de conteúdo perfeito (CMS) para blogs e sites que utiliza a linguagem PHP como programação. Nele você pode criar páginas e publicar artigos com muito mais eficiência e organização do que um blogspot ou blog UOL, além de instalar plugins de todos os tipos para deixar sua página mais dinâmica, atrativa e personalizada. É o CMS mais usado no mundo devido às suas quase ilimitadas funções e centenas de plugins diferentes. Em que lugar eu uso? Você o usa em sites de hospedagem que têm suporte PHP e banco de dados MySQL. Muitas pessoas perguntam-me se o UOL ou o Blogspot suporta etc. Não, o UOL não suporta WordPress e nenhum blog que tem tags de post (blogspot, blogger, tumblr, sapo…).

Exemplos de sites de hospedagem GRÁTIS que suportam o WordPress são: Free Web Hosting Area, Web Host, Free Hostia, Award Space e Hostinger (minha favorita).

2) Baixando o WordPress

Vá no site oficial do WordPress para o Brasil e baixe a última versão do WP. Ao terminar o download, extraia os arquivos da pasta zipada.

3) Criando um banco de dados

Dependendo do site que você está hospedando, você precisará criar um Banco de Dados MySQL, caso o suporte do site não te dê tudo pronto (o que é a maioria dos casos). Para que serve o banco de dados? Será neste local onde seus dados, plugins, posts, comentários, páginas etc, ficarão guardados. Encontre o local para você criar o banco dados (geralmente chamado Database nos sites em inglês), crie um nome com letras e números — de preferência que seja curto para não atingir o limite de caracteres —, se tiver a opção para criar um usuário, coloque o mesmo nome do banco de dados nele, e por fim coloque sua senha.

Veja no exemplo abaixo que fiz utilizando o painel de controle da Hostinger.

Painel de controle onde se encontra a área de Banco de dados

Local onde se cria o banco de dados

Eu gosto de colocar o nome do banco de dados igual ao nome de usuário, porque assim ninguém confunde e tudo fica sussa e sabe onde cada usuário vai, hehe. A senha gosto de colocar uma bastante difícil para ser mais seguro. Mas não se esqueça de anotar a senha e os dados acima! Você precisará destes dados mais tarde.

4) Utilizando o FTP para fazer o upload

Com um programa de FTP (recomendo o FileZilla) você enviará todos os arquivos que contém dentro da pasta WordPress para o site da sua hospedagem.

Geralmente, quando você cria a sua conta em um sistema de hospedagem, os dados de FTP já são enviados para seu e-mail. A senha por padrão é a mesma do painel de controle da hospedagem. Se você não se lembrar de seus dados, basta encontrar um local em seu painel de controle onde tenha uma área destinada a contas de FTP. Veja como é na Hostinger.

Área onde fornece os seus dados de FTP completos, exceto a senha, que é a mesma de seu painel de controle.

Agora que você possui todos os dados, abra o seu programa de FTP e encontre o caminho de sua pasta do wordpress que você fez o download. Na coluna da esquerda é onde mostrado os seus arquivos do computador, e a coluna da direita é da sua hospedagem. O local onde você fará o upload provavelmente será uma pasta com o nome "www" ou "public_html", como no exemplo abaixo, e caso não apareça nenhuma pasta e mostre o conteúdo vazio (como acontece no freetzi.com) é só jogar direto.

Seleciona todos os arquivos e pastas que fazem pasta da pasta que você descompatou o wordpress e com mouse arraste para a coluna da direita.

Dica: Muitas pessoas enviam, além do conteúdo, a pasta do WP ficando mais ou menos assim: seublog.servidor.com/wordpress. Na verdade, você pode até mudar o nome da pasta para ficar como um diretório chamado /blog/ ou até mesmo enviar somente os arquivos para ficar na raiz do seu site, ou seja, sem nenhum outro caminho de acesso, ficando apenas como seublog.servidor.com (que é o mais recomendado, como é no exemplo acima).

5) Finalizando a instalação

Agora vem a parte mais fácil. Depois de esperar todo o upload dos arquivos ser feito, você acessará a url do seu blog em questão e seguirá os passos que o wordpress te dará. Ele vai pedir senha, usuário e dados do banco de dados que você criou, e, por último, o nome de seu blog e te dará os campos para você escolher um nume de usuário e senha do painel de controle do wordpress (e não da hospedagem viu?). Veja os exemplos do passo a passo que você encontrará no decorrer da instalação nas imagens abaixo:

Página de abertura da url para instalação

Adição de dados sobre o banco de dados criados

Confirmação de vínculo com banco de dados

Dados de login e senha para seu blog wordpress

Confirmação de wordpress instalado!

Area de login

Página inicial do painel de controle

Agora é só você entrar em seu blog wordpress, instalar um tema qualquer e começar a postar!

Veja também...

Dica de série: Anne with an E, da Netflix
King's Cross + Tour completo pelos Studios de Harry Potter
Almoço no Las Nenas Café Bistrô (Goiânia)

63 Comentário(s)

(63 pelo blog e pelo facebook)
  • Nativas
    15 . 06 . 2016

    Aninha, como eu peço um subdominio na Hostinger? Eu procurei no site e só achei "dominio grátis", é isso? Eu sou meio leiga nessas coisas!

    Responder

    • Aninha
      Visitar blog
      15 . 06 . 2016

      Primeiramente você só faz o seu cadastro e faz o pedido de um host grátis. No momento em que faz o pedido do host o painel pergunta se vai vincular a um domínio ou cria um subdomínio deles lá na hora :)

      Responder

  • Manu Leal
    19 . 05 . 2016

    Aninha, eu já fiz tudo, e parei no passo 4, eu fiz a hospedagem gratuita tudo direitinho e na hora que abro o filezilla no meu aparece "host, nome de usuário senha e porta'" e eu coloquei tudo certinho porem diz isso :
    Estado: Conectando 31.220.16.172:21…
    Estado: Conexão estabelecida, esperando mensagem de boas-vindas…
    Estado: A iniciar o TLS…
    Estado: Verificando certificado…
    Estado: Conexão TLS estabelecida.
    Comando: USER u334051769
    Resposta: 331 User u334051769 OK. Password required
    Comando: PASS *************
    Resposta: 530 Login authentication failed
    Erro: Erro crítico: Não foi possível conectar ao servidor

    Responder

  • larissa
    Visitar blog
    21 . 04 . 2016

    Consegui avançar , agora está dando erro Filezilla – Tentativa de conexão falhou com "EAI_NONAME – Nem nodename nem servname fornecidos, ou desconhecidos".
    está dando algum problema no host

    Responder

    • Wellington Guilherme Rogério
      Visitar blog
      15 . 08 . 2016

      Moça, esse erro tá dando devido a conexão com a internet que você está usando, consulte o administrador da rede, provavelmente a conexão por FTP está bloqueada, na faculdade q eu estudo também é assim…mó merda kkkkkkkk

      Responder

  • larissa
    Visitar blog
    21 . 04 . 2016

    Estou completamente perdida =[ , sou leiga quando entro lá pede para eu escolher um plano de hospedagem , no caso para ter acessado tem que pagar?

    Responder


1456