Posts da categoria "Pessoalidades"
(Página 5 de 9)

Vida de estagiária
18

Eu disse que daria aquelas minhas sumidas básicas, não disse? Pois bem, 10 dias sem dar as caras por aqui, mas foi por boas e más causas. Comentando primeiro sobre a causa ruim: meu computador morreu, simplesmente deixou de funcionar de um dia para o outro — motivos ainda desconhecidos, ficou constatado que não era […]

Quebra de paradigmas
24

Um dia de manutenção e correndo para terminar meu tema sem atrapalhar o trabalho dos outros que estou fazendo, mas aqui está finalmente. Faz tempo que ando planejando um novo tema desde que o antigo fora para o ar. Eu gostava dele pela estrutura, mas as cores de "vômito" estavam me enjoando de verdade rsrsrs. […]

Design Gráfico, 3º Período
9

Acredito que é a partir deste semestre que começarei a ver algo a ver com o Design Gráfico propriamente dito. Não que o ano passado eu não tenha visto nada, muito pelo contrário, peguei a base de tudo. Mas foi durante essas primeiras semanas de aula que percebi que estamos nos aprofundando cada vez mais […]

O certo errado de cada um
20

Um relacionamento pode acabar por N motivos. Você namora uma pessoa por algum tempo, você ama, acontece coisas boas e ruins porque é normal acontecer isso. Nem sempre todos os dias são maravilhosos e puro amor. É um fato, eu vivi isso e deve ser a lei natural da vida ter diferenças porque não existe […]

Crônica da vida
9

Sou apaixonada por crônicas. Textos objetivos, curtos e grossos, não são longos e possuem início meio e fim. Qualquer pessoa pode ser crônista, penso, desde que saiba articular bem as palavras e que seja breve passando o máximo possível em poucas palavras. Para ser sincera, todos os blogueiros autênticos que conheço tem chances de ser […]

Lomografia: Personalizando a Holguita
35

Não faz muito tempo que comentei a você que sou apaixonada por lomografia. Virou amor à primeira vista por estas câmera lindinhas, algumas coloridinhas, outras bem vintage, que parecem brinquedo e dão um show de fotos inusitadas e super saturadas por suas lentes de plástico, olho-de-peixe (fisheye) ou até múltiplas lentes numa só câmera. Até […]

Presentes via correios
14

Não irei ser tão ingrata a ponto de dizer que meu Natal foi horrível. Não, não foi tão ruim assim. Minha família estava lá e o momento de reunião com aqueles que se amam era o que importava. Eu só gostaria de ter passado aqueles momentos com ele, juntamente com a minha família e depois […]

Férias: apetrecho novo e séries
18

Tá bom, tá bom, eu seeei que o título é bem morocoxô, mas enfim… pelo menos aborda tudo o que pretendo falar. Para começar, estou finalmente de férias e graças a Deus (e aos reitores da UFG, haha) é prologonada quando se é comparada à férias de colégio — só terei aula em março do […]

Complacência
11

É difícil ver que você machuca algumas pessoas que ama por algo que você acredita que não esteja errado. Você não se sente culpada absolutamente por nada que você fez ou pensa em fazer, já que seu coração diz que você não está cometendo nenhum crime, e é estranho quando a sua razão também concorda […]

Abobrinha e ensaios fotográficos
25

Ultimamente não venho sendo uma blogueira muito boa. Estou deixando de comentar em quase todos os blogs que eu costumava, apesar de não ter deixado de visitar. Peço desculpas por causa disso e realmente não quero ser tão desleixada para com os meus visitantes novamente! Claro, comentar no blog de todos é algo impossível, mas […]

Minha nada mole vida
21

Acordar segunda feira de manhã às nove horas pra mim acredito que seja um privilégio. Pelo menos na segunda feira né! A rotina de segunda feira não é tão estressante interessante quanto a de terça ou quarta feira. Então, vou contar estes meus dois dias de rotina para dar uma calibrada no humor aqui no […]

Deixe-me escrever
12

Escrever não alterará muito o que anda acontecendo, mas pelo menos ameniza as emoções. Minhas palavras não irão mudar o mundo. O que posso fazer é refletir sobre o que faço ou implantar algo, uma ideia na cabeça de alguém — que provavelmente será passageira. Isso é o máximo do máximo que posso fazer, creio. […]